segunda-feira, 30 de março de 2009

Cena no teatro

Este veio por email:

O prefeito Padre Roque informou ontem, no rádio, que Londrina está perdendo o recurso federal do teatro municipal. A verba de R$ 25 milhões, fruto de emendas parlamentares, dorme em berço esplêndido em Brasília - por culpa do então prefeito Nedson, do deputado federal André Vargas, que chegou a usar o teatro na sua campanha eleitoral do ano passado; e por culpa do ministro Paulo Bernardo, todos do mesmo partido presidencial. Seria incompetência?
O prefeito, que também é secretário interino da Cultura, disse que a verba está arquivada desde janeiro do ano passado, e de acordo com o procurador municipal Nilso Paulo da Silva, só existe o projeto arquitetônico da obra, mais nada.
Queremos saber se esse assunto, tão importante para a comunidade cultural da cidade, será abordado pela imprensa e pelos blogues de Londrina.Vamos correr atrás e pedir o apoio dos outros políticos antes que seja tarde demais e o nosso teatro não saia. Chega desses petistas canastrões!

CELESTE G. SOUZA
MOVIMENTO CULTURAL

Um comentário:

Ivo disse...

Temos que colocar os pingos nos "is": O deputado André Vargas erra ao dizer que a questão do teatro municipal está se transformando numa questão política provocada pelo atual prefeito Padre Roque. Não é isso. O fato é que o projeto, fruto de uma emenda parlamentar da bancada paranaense em Brasília, está arquivado há mais de um ano, e isso ocorreu na gestão petista, apoiada pelo próprio André Vargas, que inclusive usou ostensivamente o mote do teatro em sua campanha eleitoral para prefeito.
Temos que tomar cuidado para não perder mais esta importante verba, até porque temos tristes antecedentes na área: a prefeitura petista de Londrina já perdeu uma verba para a construção de três barracões industriais, inclusive teve que devolver os recursos “corrigidos” para o Governo federal. Na época isso foi noticiado intensivamente. Lastimável!
Agora, o deputado e os petistas precisam afinar os discursos, porque quem confirmou que o projeto de fato está arquivado e corre-se o perigo de se perder a verba foi o próprio ex-secretário de Cultura do governo Nedson, Waldir Grandini.
De qualquer forma, torço para que o deputado esteja correto e que a verba do teatro possa realmente ainda existir. Vamos todos fazer uma corrente e trabalhar para que dê certo.
Vamos todos trabalhar por Londrina!

IVO JACINTO DE ALMEIDA – CENTRO